top of page

Anemia



Desvendando o impacto da Anemia na saúde


Bem-vindo(a) ao nosso BLOG, nesse post mergulharemos nas profundezas da anemia, desde seu conceito até os exames essenciais para identificação. A anemia não é apenas uma palavra médica; é um problema de saúde pública que merece nossa atenção. Vamos explorar juntos como podemos compreender, prevenir e tratar essa condição de forma eficaz.



Decifrando a Anemia: Um conceito essencial

A anemia, conforme a Organização Mundial de Saúde (OMS), ocorre quando os níveis de hemoglobina no sangue estão abaixo do normal, devido à falta de nutrientes essenciais. Imagine a hemoglobina como o transportador de oxigênio no seu corpo - quando está em falta, isso pode afetar sua energia e saúde geral.


Anemia em números: A realidade impactante

Não podemos ignorar a magnitude da anemia. Cerca de 27% da população enfrenta esse desafio, variando de 13% em homens adultos a quase metade das crianças de 0 a 5 anos. Essa condição de saúde pública não discrimina idade e pode ter consequências sérias, especialmente para grávidas, idosos e crianças.


Os impactos da Anemia: Muito além da fadiga

A anemia não é apenas cansaço. Ela está associada a um aumento do risco de doenças, dificuldades cognitivas, vulnerabilidade a infecções e até mesmo complicações durante a gravidez. O aumento da probabilidade de parto prematuro, baixo peso ao nascer e mortalidade materna e infantil exige que prestemos atenção e aja.


Desvendando os fatores de risco: Crianças e além

Existem fatores de risco que podem nos tornar mais suscetíveis à anemia. Desde a hereditariedade até escolhas alimentares, exploraremos o que pode nos tornar vulneráveis. Crianças nascidas de mães com anemia, prematuros, aqueles que experimentam sangramento durante o parto e muitos outros estão sob risco.


FATOR DE RISCO PARA CRIANÇAS:

• Filhos de mãe com anemia

• Prematuridade

• Baixo peso ao nascer

• Sangramento durante o parto

• Desmame precoce

• Dieta vegetariana (para crianças e adultos)

• Uso de leite de vaca no primeiro ano de vida



Identificando a origem: Causas diversas

A anemia não é causada por uma única razão. Pode ser resultado da carência de ferro, mas também de deficiências de vitamina B12 e ácido fólico. Condições genéticas como a anemia falciforme também desempenham um papel importante. Compreender essas causas é fundamental para o tratamento eficaz.


Identificando os sintomas: Reações do corpo

• Astenia (perda ou diminuição da força física);

• Cansaço

• Fraqueza;

• Falta de ar;

• Palpitações

• Palidez mucocutânea (mucosas como a do olho na cor pálida e pele branca)


Na criança tem todos os sintomas acima e mais os abaixo:

• Quadro Clínico da anemia na criança:

• Déficit de crescimento e desenvolvimento

• Alterações de pele e anexos

• Alterações gastrointestinais

• Distúrbios do comportamento

• Hipoatividade (Diminuição da atividade)

• Inapetência (perda de apetite)

• Alterações de imunidade



Desvendando o diagnóstico: Exames laboratoriais esclarecedores

Agora, a parte crucial: como identificar a anemia? Além dos sinais clínicos, os exames laboratoriais fornecem informações essenciais. O hemograma é uma ferramenta fundamental, revelando detalhes sobre a hemoglobina, hematócrito e muito mais.


Exames que contam a história: Precisão no diagnóstico

Em nosso laboratório de análises clínicas, contamos com exames específicos para identificar a anemia. O hemograma detalhado revela a presença de anemia microcítica e hipocrômica, enquanto outros testes avaliam níveis de ferro, ferritina, vitamina B12 e ácido fólico.


Hemoglobina menor que 12g/dL em mulheres e 13 g/dL em homens.

Hemoglobina menor que 11g/dL para crianças de 6 meses a 5 anos e menor que 11,5g/dl para Crianças de 5 a 12.


Exames:

• Hemograma com anemia microcítica e hipocromica

• Hemoglobina menor que 12g/dL em mulheres e 13 g/dL em homens.

• Hematócrito menor que 36%

• Reticulócitos

• Ferro menor que 30 ug/dL

• Ferritina: menor que 10 ng/ mL

• Capacidade de ligação do ferro (TBIC): alta

• Vitamina B12

• Ácido Fólico



Tratando a Anemia: Estratégias personalizadas

O tratamento da anemia varia com base na causa subjacente. Pode envolver a simples reposição de ferro ou a abordagem da fonte da perda de sangue. A absorção do ferro é influenciada por vários fatores, como nutrientes facilitadores e inibidores, e exploraremos como isso impacta no tratamento.


Curiosidades que mudam a perspectiva: Nutrição importa

Você sabia que absorvemos melhor o ferro de origem animal? Vamos explorar mitos e fatos sobre alimentos ricos em ferro, como o espinafre. Para vegetarianos, monitorar os níveis de ferro é crucial para uma saúde ótima.


Agindo em busca da saúde: Sintomas de anemia e ação necessária

Quando sintomas de anemia surgem, não hesite em buscar ajuda. Fadiga persistente, fraqueza, dificuldade respiratória e outros sinais não devem ser ignorados. Ao se deparar com esses sintomas, é fundamental procurar um médico qualificado para avaliação.

Avaliação médica é a chave para identificar causas subjacentes e desenvolver um plano de tratamento adequado. Nossos exames laboratoriais precisos apoiam os profissionais de saúde nesse processo, fornecendo informações confiáveis para o diagnóstico.

Priorize sua saúde. Agir prontamente e buscar orientação médica é um investimento em bem-estar duradouro. Não ignore os sinais do corpo; ao agir, você está no caminho para um futuro mais saudável e vibrante.


Sua jornada de saúde Ccomeça aqui.

A equipe do Laboratório CLAB.

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page